Marrocos quer levar empresas do Brasil para Casablanca


Fonte: Export News

Empresas brasileiras poderão conhecer as oportunidades para se instalarem no Marrocos no encontro Casablanca Finance City: Your Base Camp for Africa, que ocorre na próxima terça-feira (01), na capital paulista. A organização é da Casablanca Finance City (CFC) em parceria com a Câmara de Comércio Árabe Brasileira. O objetivo da CFC, que é um polo empresarial e financeiro marroquino, é atrair empresas brasileiras.

“A Casablanca Finance City é um dos principais polos empresariais e financeiros pan-africanos. Casablanca é uma verdadeira plataforma regional entre a África e o resto do mundo, como mostrado no último ranking Global Financial Centres Index. Hoje, ela ocupa a primeira posição no continente e a 30ª globalmente. Nesse contexto, a CFC dá aos investidores internacionais e às empresas um ponto chave de acesso, estável e confiável, aos mercados africanos, ao mesmo tempo em que oferece a eles diversas vantagens ao realizar negócios, incentivos fiscais, um ecossistema dinâmico, etc.”, explicou Najwa El Iraki, chefe de Desenvolvimento de Negócios da CFC.O ranking citado mostra Casablanca como primeiro centro financeiro da África. El Iraki fará palestra no encontro em São Paulo.

Segundo El Iraki, o polo marroquino conta hoje com mais de cem empresas de diferentes setores, como infraestrutura, tecnologia da informação e da comunicação, energia, serviços de consultoria e serviços financeiros. “Os membros da CFC incluem empresas como Ford, Nestlé, Jacobs (engenharia), AIG (seguros) Banco da China, Baker & Mckenzie (escritório de advocacia) e Wendel (gerenciamento de ativos), entre outros”, destacou a executiva.

(Leia na íntegra)