Embaixador brasileiro em Amã defende ações para ampliar comércio bilateral com a Jordânia

Fonte: Comex do Brasil

 O Embaixador do Brasil em Amã, na Jordânia, Francisco Carlos Soares Luz, defendeu nesta segunda-feira (25) a realização de ações para promover o comércio bilateral. “O comércio está estagnado há algum tempo, num patamar até que razoável, acima de US$ 150 milhões [anuais], e aparentemente há alguma recuperação, mas são necessárias ações para fazê-lo chegar a um nível compatível com as duas economias”, disse o diplomata.

Soares Luz se reuniu nesta segunda-feira em Amã com o presidente da Câmara de Comércio Árabe Brasileira, Rubens Hannun, com o vice-presidente de Relações Internacionais, Osmar Chohfi, e com o assessor de projetos especiais da presidência da entidade, Tamer Mansour, que estão na capital jordaniana para participar do Fórum Econômico Árabe-Africano, que será realizado esta semana.

Entre as ações possíveis para fomentar o comércio, o diplomata citou a organização de uma missão à Jordânia liderada por um ministro brasileiro no primeiro semestre do próximo ano, e posteriormente a realização de um Fórum Econômico Brasil-Países Árabes. A promoção de tal fórum foi discutida em reunião dos representantes da Câmara Árabe Brasileira com o presidente da União das Câmaras Árabes, Nael Al Kabariti, que o embaixador também participou.

“Este fórum é uma novidade muito interessante e uma maneira de dinamizar os negócios”, afirmou Soares Luz. “A Jordânia cresceu muito nos últimos anos, inchou por causa do fluxo de refugiados a partir de 2011, são 1,3 milhão de sírios”, acrescentou.

(Leia na íntegra).