Em Seul, Mercosul e Coreia do Sul iniciam processo negociador de um acordo de livre comércio

Brasília - O ministro das Relações Exteriores, Aloysio Nunes, participa nesta sexta-feira (25),em Seul, do lançamento das negociações de um acordo de livre comércio entre o Mercosul e a Coreia do Sul, dando sequência a um processo que tem por objetivo ampliar a reduzida rede de acordos comerciais assinados pelo bloco integrado pelo Brasil, Argentina, Paraguai e Uruguai. Atualmente, o Mercosul está prestes a firmar um acordo de livre comércio com a União Europeia e recentemente lançou um processo de negociação com o Canadá.

A expectativa do governo brasileiro é de que as negociações com a Coreia do Sul avancem ainda este ano para que o acordo possa vir a ser assinado em 2019. Na avaliação do Itamaraty, a assinatura de um acordo entre o Mercosul e a Coreia do Sul contribuirá de forma decisiva para o fortalecimento do comércio exterior, da atração de investimentos e da cooperação em diversos setores entre o Mercosul e especialmente entre o Brasil e o país asiático.

Mesmo sem a existência de um acordo tão abrangente, a Coreia do Sul já figura entre os principais parceiros comerciais do Brasil. No tocante às importações, os coreanos são o quinto maior fornecedor ao Brasil e ocupam a décima-nona posição no ranking dos principais destinos dos produtos brasileiros no exterior.

(Leia na Íntegra)