Cerca de 90% dos fiscais agropecuários estão em greve em várias regiões do Brasil

Fonte: Canal Rural

 

Os fiscais agropecuários entraram em greve nesta quinta, dia 17, em várias regiões do Brasil. Ao todo, 2.800 fiscais estão paralisados em todo o país, com adesão de 90%. Com isso, a emissão de certificações internacionais e nacionais de produtos de origem animal e vegetal está suspensa por tempo indeterminado. A paralisação tem como objetivo reivindicar pleitos da carreira, como a realização de concursos públicos, além de manifestar contra as medidas pelo governo federal.

 

Em Mato Grosso, a paralisação é de 100% na agro vigilância internacional dos portos secos e no terminal de Rondonópolis, que trabalham com exportações de vegetais. Também está tudo parado no posto de fronteira de Cáceres, divisa com a Bolívia. No estado, os frigoríficos trabalham lentamente, o que pode gerar atraso na emissão dos certificados sanitários.

 

No Porto de Santos, em São Paulo, responsável por 60% do comércio exterior marítimo brasileiro, todos os 39 fiscais paralisaram as atividades por tempo indeterminado. A certificação de produtos de origem animal e vegetal para exportação, fiscalização de insumos agrícolas e pecuários, e área de defesa animal, estão totalmente paralisados no porto.

 

(Leia na íntegra)